PUBLICIDADE

Shows Rio

SHOWS - RIO DE JANEIRO

BANDA TONO

BANDA CARIOCA TONO É NOVO LANÇAMENTO DO SELO Oi MÚSICA

Foto: divulgação

Teatro Rival Petrobras

Por Ivone Kassu / Leandro Gomes

Lançamento

BANDA CARIOCA TONO É NOVO LANÇAMENTO DO SELO Oi MÚSICA

Dia 10 de dezembro de 2010 - Sexta

TONO - sm (lat tonu) 1 Tom. 2 Som da voz de quem fala. 3 Ária. 4 Tonadilha. 5 Maneira particular de dizer uma coisa, em harmonia com o estado de alma ou com os intuitos de quem fala; atitude.

Acaba de chegar às suas mãos o novo CD da banda independente carioca Tono, num lançamento nacional do selo Oi Música, reforçando o posicionamento da companhia em música, um dos pilares de investimento da marca.

O Tono chega ao segundo trabalho de carreira trazendo 11 músicas inéditas que reúnem alguns dos melhores talentos da nova geração de músicos, produtores e compositores do atual cenário carioca, e comprova a capacidade da turma em produzir uma sonoridade brasileira contemporânea, que olha para o mundo sem perder o tom e sem esquecer a alegria.

Com direção artística da própria banda, o disco foi todo gravado no estúdio Palco entre fevereiro e agosto de 2010 e vem produzido por Estevão Casé, Eduardo Manso e Alberto Continentino. A produção executiva ficou a cargo de Bem Gil e Bruno di Lullo, guitarrista e baixista da banda, respectivamente.

Leandro Floresta, flautista na maioria das faixas, assume também a segunda guitarra em “So In”, única com letra em inglês, e comanda o sintetizador em “Não Consigo”. Ambas são do baterista-vocalista Rafael Rocha, que compôs seis das músicas do repertório: as já citadas e também “Sem Falsas Esperanças”, “Aquele Cara”, “Me Sara” (com Bernardo Palmeira) e “Samba do Blackberry” (com Alberto Continentino).

Juntos, os quatro rapazes formam o coro que se ouve em diversos momentos do disco. Os vocais, aliás, merecem atenção: além da voz de Rafael, o canto de Ana Cláudia Lomelino, a vocalista do grupo, está presente e valorizado em 11 das 12 faixas do disco, sendo uma delas, inclusive, de sua autoria, “Ele Me Lê”. A única regravação é “Nega Música”, de Itamar Assumpção.

O álbum conta com as importantes contribuições de Bem com “Corte no Pé” (em parceria com Bárbara Ohana) e de Bruno que compôs “Mariposa” e “Da Terra Pro Sol” (esta última com Domenico Lancelotti), e também assina a direção de arte do material gráfico. Um trabalho que reafirma o Tono como uma das boas e promissoras novidades da nossa MPB e traz a vibração e o frescor de uma juventude multifuncional, inovadora e criativa capaz de conquistar todo o Brasil. Agora é escutar!

Sobre o Tono

Formada por cinco jovens e inventivos músicos, ao longo dos últimos dois anos o Tono percorreu os palcos da Cidade Maravilhosa apresentando um show que se destacou pela originalidade das canções, melodias e arranjos, e também da formação – o baterista Rafael Rocha é ao mesmo tempo vocalista e fica posicionado no meio e mais à frente do palco, coisa bastante rara de se ver por aí.

Despretensiosamente, a banda aos poucos conquistou e formou uma legião de fãs fiéis às suas apresentações, provocando o primeiro e bem recebido lançamento. Isso naturalmente impulsionou o grupo a mergulhar de cabeça neste projeto musical, que agora leva o quinteto a dar este novo e importante passo.

Sobre o Oi Música

O selo Oi Música foi criado com o objetivo de promover novos talentos nas plataformas da Oi, bem como, de lançar álbuns de artistas consagrados, nacionais e internacionais. É um novo modelo de negócio, como exige o mercado musical atual, inserindo artistas no meio digital. Visando a difusão da música, o selo permite que seus conteúdos também sejam licenciados para as diversas lojas digitais disponíveis, além de oferecer seu conteúdo em vários formatos digitais: Ringtone, Truetone, Fulltrack, Fulltrack do Álbum Completo e Ringbacktone (modelo de assinatura). O Oi Música já lançou os artistas brasileiros Sobrado 112, Fino Coletivo, Luísa Maita e os internacionais The Beautiful Girls, General Elektriks, Coletânea Oi FM Vol. I e The Apples in Stereo.

Sobre a Oi

Maior empresa brasileira de telecomunicações, a Oi é pioneira na prestação de serviços convergentes no país. Oferece transmissão de voz local e de longa distância, telefonia móvel, comunicação de dados, internet e entretenimento. Com a compra do controle da Brasil Telecom, em 2009, a Oi passou a atuar em todo o território nacional. Em setembro de 2010, a empresa possuía  62,4 milhões de clientes. Deste total, 20,4 milhões estavam em telefonia fixa, 37,4 milhões em telefonia móvel, 4,3 milhões em banda larga fixa e 280 mil em TV por assinatura.

Pelo segundo ano consecutivo, a Oi integra o Índice de Sustentabilidade Empresarial (ISE) da Bovespa refletindo o alto grau de comprometimento da companhia com a responsabilidade social e a adoção de práticas gerenciais sustentáveis.

Teatro Rival Petrobras (472 lugares)
Rua: Álvaro Alvim, 33/37 - Cinelândia. Cinelândia. Tel. 2524 1666
Dia 10 de dezembro – Sexta, às 23h30
Ingressos: R$ 15,00(Os 150 primeiros pagantes) R$ 25,00( Meia) R$ 50,00(Inteira)
Reservas: 2524 - 1666. Classificação: 18 anos.
Site: www.rivalpetrobras.com.br

TEATRO RIVAL PETROBRAS "Um Show de Resistência Cultural"
76 Anos do Teatro Rival: Uma História de Resistência e Sensibilidade