AGENDA BRASÍLIA

Expressão - Espaço Cultural Zumbi dos Palmares

Expressão - Espaço Cultural Zumbi dos Palmares

Foto: Fernanda Dusek

Roteiro cultural de Brasília

Por Alessandra Rios – Assessora de Imprensa (Espaço Cultural Zumbi dos Palmares)

O Desenho é a expressão, não importa a técnica

10 de agosto a 02 de setembro de 2011

São 21 artistas em fases distintas da carreira, mas com um traço em comum, o recorte do mundo pelo desenho. Como diz a curadora Suzzana Magalhães, seja carvão, grafite ou até mesmo uma tablet, todos estes materiais se prestam à concepção mental de linguagens variadas: a imagem surge das manchas delicadas que a água e O pigmento projetam sobre um papel; surge dos riscos que rasgam a pele e marcam no corpo o traço do tatuador; da impressão que a ponta seca deixa sobre a chapa de cobre da matriz de uma gravura...

A exposição "Dos Planos que Voam", que será aberta na próxima terça-feira, 9 de agosto, na Galeria do Anexo IV da Câmara dos Deputados junta artistas iniciantes com veteranos professores, voltados para o desenvolvimento de técnicas que traçam movimento e objetivos com linhas de nanquim, o vidro, o pastel seco, o carvão, a canetinha ou o café que servem ao desenhista tanto quanto um lápis, manchando o papel, representando um desejo, um anseio do artista. A ideia motora é transmitir um conceito, um pensamento, por meio de soluções gráficas, utilizando suportes diversos.

Muitos desses artistas nunca tiveram a oportunidade de mostrar seus trabalhos em Brasília, cidade onde nasceram ou pela qual foram adotados. Entre eles, alguns são professores na Faculdade de Artes Dulcina de Moraes e da Universidade de Brasília, outros têm exposições em Londres e Nova Iorque no currículo. É o desenho que junta todos estes nomes emergentes no cenário artístico brasiliense, é graças a ele que essa mostra pode se realizar. Participam da exposição: Amanda Rabelo, André Lins, Clarissa Paiva, Roberto Dagô, Daniel Lopes, Fernanda Dusek, Fernando Nisio, Helder Spaniol, Júlio Cesar Lapagesse, Luciana Bastos, Luiz Veras, Maíra Figueiredo, Pedro Ivo Verçosa, Rachel Vellego, Raquel Mendes, Renata Rinaldi, Sara Scholze, Taiom, Virgílio Neto, Lauro Gontijo e Renato Moll.

Serviço:
Exposição coletiva de desenhos "Dos Planos que Voam"
Abertura: 09 de agosto de 2011, às 19h, na Galeria do 10º andar do
Anexo IV da Câmara dos Deputados
Visitação: 10 de agosto a 02 de setembro, de segunda a sexta, das 9h às 17 horas
Entrada franca
Livre para todas as idades
Realização Câmara dos Deputados

Por Alessandra Rios – Assessora de Imprensa Espaço Cultural Zumbi dos Palmares

Exposição

MARYSIA PORTINARI - Uma pintura para nos fazer fantasiar sonhar e encher os olhos de cores

22 de agosto a 30 de outubro de 2011

MARYSIA PORTINARI

A artista plástica Marysia Portinari, traz para a Câmara dos Deputados a exposição "Retalhos de Fantasias" que será aberta no dia 22 de agosto, às 17 horas, no Salão Verde da Câmara, com a presença da artista. A mostra ficará aberta ao público no Gabinete de Arte, localizado na Presidência da Câmara, de 23 de agosto a 30 de outubro de 2011, nos finais de semana e feriados. A exposição reúne obras figurativas das fases rural, circense e também quadros abstratos da sua produção atual.

Maria Marysia Portinari Greggio (Araçatuba SP 1937). Pintora, desenhista, gravadora e escultora. Estuda desenho e pintura com Waldemar da Costa (1904-1982) e tem aulas sobre a história da arte de Flávio Motta (1916) no Masp, em 1955. Expõe pela primeira vez na Galeria Prestes Maia em 1957. No mesmo ano, tem obras expostas em Lisboa e Madri. Vivendo entre São Paulo e Rio de Janeiro, torna-se assistente e aluna de seu tio, o pintor Candido Portinari (1903-1962).

Marysia começou pintando cenas rurais, típicas do interior de São Paulo, onde nasceu. Mais tarde, ela retratou o universo infantil a partir de diversos tipos de brinquedos. Na década de 1990, passou a pintar o circo, que a levou a descoberta das formas geométricas – elemento principal de sua fase atual. Marysia tem dedicado toda a sua vida à arte e já participou de mais de 50 exposições na Argentina, Estados Unidos, México, Espanha e Portugal, além do Brasil. Seus primeiros quadros datam de 1955, quando ela ainda estudava desenho e pintura com Waldemar da Costa e Flávio Mota.

O Deputado Marco Maia, Presidente da Câmara dos Deputados, observa que "o sobrenome lendário — Portinari — não inibiu a jovem artista que, na década de 1950, deu início a uma bela carreira, corajosamente autoral. Do convívio com o tio famoso e tantos outros grandes artistas, absorveu as lições essenciais, esmerando-se na expressividade do traço e no domínio da cor".

Ressalta o curador, Afrísio Vieira Lima Filho, Diretor Legislativo da Câmara, que a evolução artística de Marysia, com fundamento num veemente cromatismo impregnado de alegria e brasilidade e muitas vezes de forte lirismo, evidenciando um quê de naïf não tem pretensão política ou social, reformadora ou denuncista. "A arte dessa pintora chega para nos fazer sonhar, fantasiar, afaga os nossos olhos e coração. Com suas cores quentes e vibrantes, vem nos fartar de regozijo, trazer doces reminiscências, orgulho dos nossos valores, crenças e cultura, assim como do nosso chão", complementa o curador.

Gabinete de Arte

O Gabinete de Arte consiste na exposição de obras de artistas brasileiros no Gabinete da Presidência da Câmara. Desde 2004, este espaço torna-se acessível aos visitantes nos fins de semana e feriados, a fim de aproximar o povo brasileiro das mais autênticas expressões de sua arte.

Serviço
"Gabinete de Arte – Retalhos de Fantasias - Marysia Portinari"
Abertura: terça-feira (22), às 17h, no Salão Verde da Câmara dos Deputados, Anexo I
Visitação: nos finais de semana e feriados, das 9 às 17 horas, acompanhando visita guiada até o dia 30 de outubro de 2011, com saídas a cada meia hora, do Salão Negro.
Livre para todas as idades. Entrada Franca