Teatro Infantil

TEATRO INFANTIL SÃO PAULO

PEDRO E O LOBO

ESPETÁCULO PREMIADO DA CIA IMAGO

Foto: divulgação

Teatro Cosipa Cultura - Até 6 de setembro

Teatro Infantil

Por Renata Lopes

TEATRO COSIPA CULTURA APRESENTA ESPETÁCULO PREMIADO DA CIA IMAGO

Utilizando bonecos e técnicas do teatro negro, Cia Imago traz ao palco do Cosipa Cultura, em sua nona temporada, o espetáculo de maior sucesso dos 10 anos da companhia

Depois do enorme sucesso da última temporada, que teve ingressos esgotados desde a estreia, a Cia Imago traz de volta o infantil Pedro e o Lobo, vencedor dos prêmios APCA 2004 de melhor espetáculo de formas animadas e Prêmio FEMSA de melhor iluminação.

Utilizando bonecos e a técnica do teatro negro de formas animadas (técnica que usa materiais que brilham sob luz negra em que o público não enxerga os manipuladores), a montagem da Cia. Imago desperta curiosidade e encantamento em públicos de todas as idades, e faz com que os bonecos pareçam ter criado vida: o passarinho voa livremente, instrumentos flutuam, personagens aparecem e desaparecem num piscar de olhos. O espetáculo – que estreou em 2004 - já foi visto por milhares de pessoas e cumpriu temporada no Teatro Folha (2004/2007), Teatro Alfa (2004), inaugurou o Teatro TIM em Campinas (2005), participou da 28ª Semana Guiomar Novaes (2005) em São João da Boa Vista, Teatro do Centro Cultural Usiminas (2007), Teatro São Pedro com orquestra e regência do maestro Alex Klein (2009) e a mais recente, no Sesc Vila Mariana (2009).

“O espetáculo é uma narração do maestro Jamil Maluf, super divertida e com um viés didático, que é apresentar os instrumentos de uma orquestra ao público infantil”, conta Fernando Anhê, diretor e um dos fundadores da Cia Imago. “A peça conta a história de Pedro, um menino super valente e destemido que enfrenta os caçadores para defender seus amigos bichos; Pepê, o avô; o Lobo, que devora a pata Patolinda Pati Patápatá; o gato Glutão, que está sempre querendo comer Peninha, um passarinho muito generoso e assim chamado porque está sempre com dó da pata”, detalha Fernando. Sabendo que os caçadores estão em busca do lobo, Pedro se apressa e consegue chegar antes até ele e, quando os caçadores aparecem, Pedro pede: “não, não atirem, vamos levar o lobo pro zoológico”.

Na peça, cada personagem ganha uma personalidade sonora. “Sempre que entra o passarinho, são as flautas que soam. A criança vê o boneco e ouve o som do instrumento referente, enquanto, longe dos olhos do espectador, nós movimentamos os bonecos em sincronia com a música, fazendo uma espécie de coreografia surreal”, explica o diretor. “E assim é com todos os instrumentos: para sonorizar as peripécias de Pedro, são as cordas que vibram; no caso do gato é o clarinete, da pata é o oboé; do lobo, as trompas etc.”, explica. Através das cores exuberantes dos cenários, dos truques visuais e da precisa movimentação dos bonecos, Pedro e o Lobo encanta crianças de todas as idades com sua atmosfera mágica e lúdica. A peça fica em cartaz aos sábados e domingos às 16 horas no Teatro Cosipa Cultura até dia 6 de setembro.

Sobre a Cia Imago
Criada por Fernando Anhê (cena) e Jamil Maluf (música) em 1999, a Cia Imago é formada atualmente por Daniela Sakumoto, Fernando Anhê, Isa Gouvea, Janette Santiago e Valter Felipe. Mescla diversos gêneros dramáticos, linguagens e técnicas artísticas, como a utilização do Teatro Negro, técnica através da qual os objetos e bonecos parecem mover-se livremente, e os atores que os manipulam tornam-se invisíveis ao olhar do espectador. A Cia. Imago encenou as óperas: A Flauta Mágica (Mozart) e João e Maria - Hänsel und Gretel (Humperdink) - Teatro Municipal de São Paulo, Teatro Municipal do Rio de Janeiro e Teatro do Amazonas. Apresentou os concertos cênicos (mesclando dança, teatro de formas animadas e música erudita): Scheherazade (Ravel e Korsakov), Dois (Os Planetas, de Gustav Holst) e O Pássaro de Fogo (Igor Stravinsky) - Teatro Municipal de S. Paulo, Teatro Alfa, Teatro São Pedro e Teatro Guaíra. Encenou as peças infantis: Imago, A Mão, Pedro e o Lobo, O Quebra-Nozes, O Pássaro de Fogo, Os Ets Cantam e Dançam, As Aventuras de Alice no País das Maravilhas, A Flauta Mágica e João e Maria em diversos teatros; e recebeu inúmeros prêmios: quatro espetáculos já receberam o Prêmio APCA (Associação Paulista de Críticos de Arte), Prêmio FEMSA e APETESP.

Para roteiro: PEDRO E O LOBO
Reestreia dia 18 de julho, sábado, às 16 horas, no Teatro Cosipa Cultura.
Adaptação/direção: Fernando Anhê.
Narração pré-gravada e direção musical: Maestro Jamil Maluf.
Elenco Cia. Imago: Daniela Sakumoto, Valter Felipe, Janette Santiago, Isa Gouvêa e Fernando Anhê.
Ingressos: R$ 16,00 (Estudantes e crianças até 12 anos pagam R$ 8,00).
Temporada: sábados e domingos, às 16 horas. Até 6 de setembro.
Patrocínio: USIMINAS. Apoio Cultural - USICULTURA.
Duração: 55 minutos.
Indicação etária: a partir de 3 anos.

TEATRO COSIPA CULTURA – Avenida do Café, 277 – Jabaquara. Estação Metrô Conceição
Telefone (11) 5070-7018. Capacidade – 288 lugares.
Bilheteria - De terça a quinta, das 12 às 18h e de sexta a domingo a partir das 14 horas.
Venda de ingressos – (11) 4003-1212 ou www.teatrocosipacultura.com.br.
Sessões fechadas ou grupos: (11) 3334-1358.
Aceita dinheiro, cheque, cartões de débito e crédito.
Estacionamento – Rua Guatapará, 170 a R$ 9,00.
www.teatrocosipacultura.com.br

Renata Lopes
ARTEPLURAL Comunicação
Tel. (11) 3885-3671/ (11) 8389-6501
Rua Manoel da Nóbrega 1.114 - Paraíso
04001-003 - São Paulo / SP
www.artepluralweb.com.br

As atrações e/ou informações sobre eventos que constam neste site estão sujeitas a mudanças e alterações sem aviso prévio. Evite surpresas telefonando antes de visitar as atrações ou eventos.